Nossos Produtos


Temperados

Cinco vezes mais resistente a choques térmicos do que um vidro comum com espessuras semelhantes, o vidro temperado é considerado um vidro de segurança. Em caso de quebra, fragmenta-se sem pedaços pequenos, pouco cortantes, podendo ser removidos com maior facilidade e segurança. Por ser mais resistente, pode ser utilizado em aplicações estruturais autoportantes sem a necessidade de caixilhos.

O tratamento térmico de têmpera consiste no aquecimento gradativo do vidro até atingir a temperatura de 700ºC (estado plástico) para ser resfriado bruscamente. Com esse tratamento, o vidro temperado passa a ser mais resistente à flexão e passa a suportar diferenças de temperaturas de até 200ºC.

A Amapá Temper utiliza o sistema italiano de têmpera horizontal, no qual vidros são transportados por roletes, melhorando a sua performance quanto a empenamentos e melhor planicidade. Este sistema também permite a produção de vidro temperado em grandes chapas e grande variedade de espessuras.

O vidro temperado tem a capacidade de resistir a choques em uma proporção de cinco vezes mais que um vidro comum com espessuras semelhantes. Trata-se de um vidro de segurança, pois, quando quebrado, fragmenta-se sem a formação de cacos pontiagudos. Sua resistência possibilita a utilização em aplicações estruturais sem a necessidade de caixilhos.

O tratamento térmico de têmpera é um processo de aquecimento gradativo até se atingir a temperatura de 700ºC (estado plástico), seguida de brusco resfriamento.

O vidro temperado possui maior resistência à flexão que os vidros comuns e pode suportar diferenças de temperaturas de até 200ºC.

O sistema italiano de têmpera horizontal utilizado pela Amapá Temper não apresenta marcas de pinças e torna possível sua produção em grandes chapas e várias espessuras sem ondulações nem empenamentos.